7 de nov de 2011


E... Se não fosse a distância eu chegaria na sua casa nua, me declararia, dizia que eu sou sua. Se não fosse a distância poderíamos dormir abraçados na sua cama, no meio da rua, na praia, nas pedras. Se não houvesse a distância eu gostaria de abraçá-lo, olhar teus olhos, ver o seu sorriso e te dizer que te conhecer foi a melhor coisa que pode me acontecer. Se não você a distância nós dois poderíamos ser um, nós dois andaríamos de mãos dadas, não seria lindo? Queria ser o motivo da sua alegria, o motivo pelo qual abriria seus olhos todos os dias. Eu queria ser o motivo que te levasse a me ligar de madrugada, e dizer que não consegue dormir pensando em mim. Queria poder te acariciar quando sentisse saudade, queria poder beijar sua testa como sinal do meu amor e respeito, eu queria ter você perto de mim apenas para poder dizer que você é meu, que você eu sempre estive esperando por você. Eu queria poder andar sorrindo sem ter motivos, me emocionar com uma cena boba qualquer, queria receber uma flor roubada do jardim ao lado, um bombom barato, mas que fosse seu. Eu queria rir das nossas brincadeiras, cair no chão, te morder, sentir o seu cheirinho. Eu queria que você fosse meu para eu poder dizer para o mundo, para eu poder gritar de madrugada sem ter medo. Eu queria que você fosse meu para me defender, para sentir ciúmes de uma olhada para o lado. Eu queria te acompanhar nas festas e até no cinema que eu odeio. Queria tomar sorvete, lambuzar você só pra ver sua cara de bravo e logo em seguida beijar sua boca gelada. Eu queria que me apresentasse para seus amigos como “a minha menina”. Eu queria andar por aí, cantarolar e as pessoas pensarem: Boba apaixonada. Não, eu não ligaria, pois eu estaria completamente apaixonada por você. Pelo que você é, pelo o que você me dá... Ou pelo que você pudesse me dá se não houvesse a distância. Ai, se não fosse a distância... Eu poderia ser completamente tua, de corpo e alma e da cabeça aos pés, se não houvesse a distância.

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pelo comentário :))