27 de jul de 2011

- O amor.



Para mim, já foi o tempo de tentar entende-lo, é uma coisa incrivelmente maravilhosa para quem de fato um dia conseguiu senti-lo verdadeiramente. Eu me afundo em meus pensamentos, mergulho realmente de cabeça neles e nunca consegui encontrar a resposta para o melhor sentimento que é o amor.  Digamos que quando eu estou perto de quem realmente amo me sinto bem comigo mesma e talvez por uns instantes eu seja a melhor pessoa do mundo. O que eu digo não é amor entra românticos namorados, mas o amor universal, o seu caro leitor, por seus parentes mais próximos que te fazem sorrir por bobeiras ditas, ou quando necessário te sedem um ombro aconchegado para chorar.  O amor de irmãos que por mais que impliquem um com outro no fundo se amam e seriam capazes de tudo para defenderem o seu amado implicante. Os amigos... Como falar desses anjos que Deus põe em nossas vidas? Claro, os verdadeiros amigos. Que brigam, xingam, sorriem, choram, dão conselhos  que podem te mudar para sua vida inteira.  Eu, sinceramente, não sei explicar o que é o amor de verdade, mas se um dia eu entender eu conto a vocês... Mas eu sei que nunca vou entender o porquê amo tantas pessoas e o porquê elas me amam de um modo indescritível. 

Por: Mariane Alfradique - Se pegar da créditos.

"Amo como ama o amor. Não conheço nenhuma outra razão para amar senão amar. Que queres que te diga, além de que te amo, se o que quero dizer-te é que te amo?"
Fernando Pessoa

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pelo comentário :))